Enjoo durante e após os treinos: o que causa e como evitar

Você já sentiu enjoo durante e após os treinos? Se sim, saiba que isso é mais comum do que parece. No entanto, pode significar um sinal de alerta, pois você provavelmente exagerou na dose dos exercícios.

De fato, a atividade física traz diversos benefícios para a saúde — tanto física quanto mental. Mas quando surgem sintomas como náuseas e enjoos, eles podem reduzir o desejo de malhar. Assim, a falta total de exercícios leva a uma vida sedentária, afetando o foco, o sono e o humor.

Respeite os limites do corpo

Se você deseja emagrecer ou ganhar massa magra, é normal que precise se esforçar para atingir os objetivos. Porém, o esforço além do seu limite pode diminuir o fluxo de sangue gastrointestinal, causando náuseas e até mesmo vômitos.

Além disso, segundo especialistas, o excesso de exercícios pode diminuir a imunidade. 

Coma antes de treinar

Se você ficar mais de oito horas sem se alimentar adequadamente (e não estiver acostumado ao hábito), treinar em jejum pode ser uma péssima ideia. Isso porque podem surgir consequências como enjoo durante e após os treinos, tonturas e até desmaios.

Evite esses alimentos para não ter enjoo durante e após os treinos

Você deve ter uma alimentação balanceada antes de praticar exercícios. Por isso, veja quais alimentos evitar:

  • Doces em geral, pois podem desencadear picos de insulina e causar náuseas;
  • Alimentos de difícil digestão, como carne vermelha, leite e derivados;
  • Alimentos que possuem pectina, como banana, que são digeridos mais lentamente pelo organismo;
  • Frituras, porque o organismo tem dificuldade de digerir e absorver alimentos gordurosos.

Fonte

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

seis − três =